segunda-feira, janeiro 17, 2011

De nada vai adiantar ...

Eu estou te observando, te rotulando, digo até. Vendo como se comportar, de que você gosta, e o que pensa sobre mim. Eu apenas te olho, tento descobrir como você se comportaria comigo na sua frente. Eu pergunto e espero certas respostas, você me surpreende. Tento mostrar frieza, as vezes é quase impossível. Tenho várias risadas com você. Agente acaba se conhecendo, e se identificando muito um com o outro. Mas não se esqueça, eu posso chegar e partir a qualquer momento, posso querer e desistir de uma hora para outra. Posso querer estar, e simplesmente, cansar de você a hora que me bem entender. Não se encante, não se apaixone, não sonhe, não imagine, não queira, não deseje, apenas me olhe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário