quarta-feira, janeiro 05, 2011

Nas sombras

Outra cidade, outras pessoas, outras coisas. A mesma mesmice, os mesmo pensamentos mesquinhos, a mesma friesa, a mesma falta de educação. A mesma vida monotóma. Carros, pessoas, barulhos. Sempre a mesma frase ecoava em minha cabeça, cadê as pessoas de verdade, não as máquinas que a sociedade criou, as pessoas! Que riem, choram, dão BOM DIA, são um mínimo educadas. Tô é de saco cheio desse mundo cruel que vivemos, e você?

Nenhum comentário:

Postar um comentário